A crise energética no Brasil e o crescimento da energia solar.

Seja por políticas públicas não favoráveis ou por mudanças climáticas, a energia hidrelétrica - principal matriz energética brasileira - vem sofrendo grandes impactos na sua produção. Em 2021, essa crise foi bastante agravada devido a escassez de chuvas no território brasileiro.Outro obstáculo é a extensa e complicada rede de abastecimento energético devido a extensão do território brasileiro.



Tangente à crise energética, a energia solar vem crescendo no Brasil, de acordo com o Instituto Nacional de Energia Limpa (INEL) são 781 mil unidades de painéis solares no país em 2021, um crescimento de 50% em relação ao ano anterior.

Dados do INEL em parceria com a ABGD ( Associação Brasileira de Geração Distribuída ) apontam que a implementação de 10GW em até 2 anos será capaz de contribuir com as hidrelétricas cerca de 20%.

É necessário que se crie mais políticas públicas de incentivo fiscal para que empresas mudem para a energia solar e campanhas de conscientização para a população sobre essa fonte de energia.


2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo